Adesão de 87,5% à greve dos enfermeiros encerra cirurgia de ambulatório no Hospital do Litoral Alentejano

A greve dos enfermeiros registou hoje uma adesão de 87,5% no bloco operatório e “encerrou as cirurgias de ambulatório” do Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém, indicou o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

“No bloco operatório estão a ser assegurados apenas os serviços mínimos e garantidas cirurgias emergentes e devido à forte adesão dos enfermeiros a cirurgia de ambulatório está encerrada”, adiantou Luís Matos, dirigente do SEP.

Os enfermeiros regressaram hoje à greve nacional de seis dias iniciada na semana passada com “foco especial nos blocos operatórios e nas cirurgias de ambulatório” dos hospitais.

Guadalupe Simões, dirigente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), diz que os enfermeiros estão ainda mais mobilizados depois do Ministério da Saúde ter assumido que as reivindicações são justas.

A segunda etapa de uma greve nacional que começou no dia 10 de outubro visa exigir ao Governo que apresente uma nova proposta negocial da carreira de enfermagem que vá ao encontro das expectativas dos profissionais e dos compromissos assumidos pela tutela.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *