Águas Públicas do Alentejo investe 2.6 milhões de euros para melhorar abastecimento de água a Ermidas do Sado, Foros do Locário e Fornalhas Velhas

A empreitada de adução de água a Ermidas do Sado e Foros do Locário no concelho de Santiago do Cacém e Fornalhas Velhas no concelho de Odemira com fornecimento de água proveniente da ETA do Roxo e que se integra no Subsistema de Abastecimento designado por Roxo Poente, arrancará na próxima segunda-feira.

Com um prazo de execução de 365 dias, a empreitada foi adjudicada à empresa Tecnorem – Engenharia e Construções, S.A. pelo valor global de € 2.644.632,63 € (dois milhões, seiscentos e quarenta e quatro mil, seiscentos e trinta e dois euros e sessenta e três cêntimos), com financiamento POSEUR a 85%.

Esta empreitada encontra-se integrada num leque mais alargado de investimentos da AgdA neste Subsistema de Abastecimento, que inclui a remodelação da ETA do Roxo (fase I e fase II) e a adução a Alvalade do Sado, abrangendo os Municípios de Aljustrel e de Santiago do Cacém, no valor global, para este Subsistema, de 10.8 M€.

Este investimento irá assegurar a qualidade e a quantidade de água necessária ao abastecimento a estes aglomerados, permitindo abandonar os diversos sistemas autónomos que atualmente servem de forma deficiente as populações a partir de origens subterrâneas com alguns problemas de qualidade e em alguns casos também de produtividade.

Com estes investimentos, a entidade gestora responsável pelo Sistema de Parceria Pública Integrado de Águas do Alentejo assegura a resiliência dos sistemas de abastecimento de água permitindo-lhes melhorar a qualidade da água distribuída e responder mais eficazmente a situações de escassez de água.

Salienta-se que a albufeira do Roxo é uma origem fiável a nível de quantidade face à sua ligação direta ao Sistema de Alqueva e de qualidade pela empreitada já realizada (1.1M€ já realizado para melhoria do processo de tratamento) e a realizar a curto-prazo para remodelação da ETA (3.8 M€ – preço base do procedimento que se encontra em fase de avaliação de propostas).

Fonte: APA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *