Câmara de Santiago do Cacém abre concurso para renovar EB1 nº 4 de Santo André

A Câmara de Santiago do Cacém deliberou, na reunião de 17 de agosto, a abertura de concurso público para a execução da ampliação/renovação da Escola Básica do 1º ciclo nr 4 de Santo André, no Bairro Pôr do Sol.

Trata-se de um investimento de um milhão e sete mil euros, para garantir melhores condições para as cerca de 220 crianças que frequentam o 1º ciclo do ensino básico, o jardim de infância, as atividades de animação e apoio à família e as atividades de tempos livres, bem como para a restante comunidade escolar.

O presidente da Câmara de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha diz que se trata de uma intervenção profunda. 

“Estamos a falar de uma intervenção profunda, que queremos que decorra durante o ano letivo que agora se inicia para que em setembro de 2018 os alunos possam iniciar as aulas na nova escola”, refere o Presidente da Câmara Municipal, Álvaro Beijinha.

Neste momento, está concluída a obra de ampliação e remodelação da Escola Básica nº 3 de Santo André, para receber os alunos no ano letivo 2017/2018, a partir de setembro próximo.

Decorre, também, a intervenção na Escola Básica de 1º ciclo de Ermidas-Sado que se prevê a sua conclusão até final deste ano, mas que não irá impedir o normal funcionamento no próximo ano letivo.

Estas três intervenções rondam os 2 milhões de euros recorda o autarca. “Um esforço que a Câmara Municipal faz, embora tenha uma comparticipação dos fundos comunitários que no conjunto das três intervenções rondará os 50%, mas que a Câmara entendeu serem necessários estes investimentos e faz este esforço no sentido de dotar as escolas de melhores condições de segurança e de conforto”, acrescenta Álvaro Beijinha.

Os investimentos da Câmara Municipal na área da Educação decorrem, em colaboração com Juntas de Freguesia do Município, com a dotação de todas as salas do 1.º ciclo de ar condicionado, o encerramento de pátios, a remodelação das casas de banho da Escola Básica de 1.º Ciclo de São Domingos, o sombreamento e remodelação de alguns parques infantis e intervenções de manutenção do parque escolar.

Fonte: CMSC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *