Cercisiago assinala 40 anos com peça de teatro no AMAC em Santiago do Cacém

Os quarenta anos da Cercisiago – Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Crianças Inadaptadas de Sines e Santiago do Cacém vão ser assinalados, esta quarta-feira, numa peça de teatro criada em parceria com a associação cultural ‘Terra Amarela’, uma plataforma de criação artística inclusiva, em Lisboa, e a Cercisiago, em Santiago do Cacém.

O espetáculo ‘Enquanto os Dias Duram’ conta com a participação de onze atores, com deficiência mental, e baseia-se nas histórias e nas pessoas que ajudaram a construir e fizeram parte da vida da Cercisiago nas últimas quatro décadas, explicou à Miróbriga Mónica Duarte, coordenadora da ‘Arca dos Sonhos’, da Cercisiago.

“Tendo por base esta temática começamos a criar começamos a criar com base nos 40 anos e nas pessoas que foram chegando e em alguns episódios, a forma como algumas pessoas nos marcam, quem vai, quem fica e o que traz”, explicou.

Os ensaios são vividos “com muita excitação” mas “também com muita paciência” porque “os ensaios nesta fase são muito constantes e intensos” com “muita repetição para que eles conseguirem interiorizar o papel de cada um”, acrescentou a encenadora.

A Arca dos Sonhos foi criada no ano 2000, com origem num projeto que começou com a preparação de uma peça para a festa de Natal da Cercisiago, e que continuou desde então, com espetáculos a subir ao palco do Auditório Municipal António Chainho, mas também do Centro de Artes de Sines e de escolas da região.

A peça de teatro ‘Enquanto os Dias Duram’ está marcada para esta quarta-feira, às 21:00, no auditório municipal António Chainho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *