Feira Nova de Outubro mostra produtos locais de Alcácer do Sal

O município de Alcácer do Sal recebe, entre os dias 5 e 7 de outubro, mais uma edição da Feira Nova de Outubro, cumprindo uma tradição que remonta ao séc. XVIII para promover os produtos locais.

O certame que “obrigatoriamente” coincide com o primeiro domingo do mês de outubro, de acordo com um decreto- régio da Rainha D.ª Maria I, tem sido promovido pela autarquia desde 1782 de forma “ininterrupta”, explicou Vítor Proença, presidente do município.

A Feira Nova de Outubro nasceu de uma Provisão de 1782, enviada à Câmara de Alcácer do Sal, que determinava que no primeiro domingo de outubro de cada ano haveria uma feira franca por três dias”, adiantou o autarca.

O evento, que se realiza no Parque de Feiras e Exposições de Alcácer do Sal, tem vindo a ganhar o seu espaço e, atualmente, além de “fechar o ciclo de feiras tradicionais” no Litoral Alentejano, é considerada uma das marcas identitárias do município alentejano.

É uma feira com muitas tradições e que tem uma componente lúdica, com os divertimentos habituais, mas também tem o vestuário, o calçado, a louçaria, os barros, frutos secos e muita animação com tasquinhas, bares, exposição de produtos locais, artesanato e produtores locais”, acrescentou.

Este ano, a Feira de Outubro, será marcada pelas comemorações dos 800 anos do concelho de Alcácer do Sal com uma “nova perspetiva da importância da preservação das tradições enquanto parte indissociável da identidade cultural da comunidade”, revelou a autarquia numa nota.

A feira serve igualmente de oportunidade para os visitantes adquirirem o artesanato local e os primeiros frutos da época e da região, desde os pinhões, nozes, castanhas, figos secos e amêndoas, azeitonas, batatas-doces, mel, rebuçados, bolinhos de amêndoa, queijos e produtos de charcutaria.

Para além do público de Alcácer do Sal temos sempre visitantes oriundos dos concelhos de Grândola, Setúbal e uma franja de Montemor-o-Novo que aproveita este momento para se abastecer de produtos de boa qualidade e provar a nossa gastronomia que é sempre muito saborosa”, referiu Vítor Proença.

Durante três dias, o certame, que tem entradas livres, vai contar com os concertos de Piruka (dia 5), Adriana Lua (6) e, no último dia, o espetáculo temático interativo ‘Remember Revival Band’ e uma corrida de toiros, na Praça João Branco Núncio , no sábado, dia 6 de outubro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *