GNR detém 192 pessoas no fim de semana, mais de metade por álcool

A GNR anunciou hoje que deteve 192 pessoas em flagrante delito durante o fim de semana, mais de metade das quais por conduzirem alcoolizadas, mas também por tráfico de droga e por posse ilegal de armas.

De acordo com aquela entidade, estas detenções foram feitas no âmbito de um conjunto de operações para prevenção e combate à criminalidade violenta e fiscalização rodoviária.

Entre os detidos, 111 encontravam-se a conduzir sob o efeito de álcool, refere a GNR, adiantando que outros 26 não tinham carta de condução, 19 foram acusados de tráfico de estupefacientes e seis estavam na posse ilegal de armas.

Os outros cinco foram detidos por permanência ilegal no país, por violência doméstica, por furto e por fogo posto.

Nestas operações, a GNR também contabilizou várias apreensões, sobretudo de drogas, nomeadamente 551 doses de haxixe, 125 doses de MDMA, 18 doses de cocaína e 12 plantas de cannabis.

Além disso, foram apreendidas cinco armas de fogo, outras cinco armas brancas, 406 artigos contrafeitos e 415 euros em numerário.

A fiscalização rodoviária levou à deteção de 2.282 infrações, entre as quais 937 por excesso de velocidade e 303 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

A GNR registou ainda 60 infrações por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 56 por falta de inspeção periódica obrigatória, 46 por uso do telemóvel no exercício da condução e 12 relacionadas com tacógrafos.

Fonte: Lusa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *