Odemira: Festival Sete Sóis Sete Luas com sons do mediterrâneo

festival 7 sois 7 luasO Festival Sete Sóis Sete Luas volta a Odemira com os sons e as artes plásticas do mediterrâneo e do mundo lusófono.

O programa integra quatro espetáculos musicais, a decorrer entre os dias 11 e 14 de setembro, e uma exposição de artes plásticas, patente ao público, entre 20 de setembro e 31 de outubro, na vila de Odemira. Entradas livres.

O Festival Sete Sóis Sete Luas celebra em 2014 a sua 22ª edição, contando com a participação do Município de Odemira desde o início. É promovido por uma Rede Cultural de 30 cidades e vilas de 11 países do Mediterrâneo e do Mundo Lusófono: Brasil, Cabo Verde, Croácia, Espanha, França, Grécia, Israel, Itália, Marrocos, Portugal e Roménia.

 Esta quinta-feira, dia 11 de setembro, às 21h30,o Cineteatro Camacho Costa recebe a atuação do grupo francês, ‘Du Bartás’, numa viagem pela canção popular “languedocienne”, cheia de sensualidade e energia, num surpreendente percurso pelo Mediterrâneo, com temas cantados na língua occitan languedocien.

A festa e as percussões ocupam um lugar importante na música deste grupo.

 Sexta-feira, dia 12 de setembro, é a vez de Sossiobanda (Itália). Francesco Sossio e sua banda são considerados uma das propostas musicais mais interessantes e prestigiadas da world music italiana. Luzes, vídeos, cores e danças dialogam com os sons criando uma atmosfera única que evoca um monte de diversão e ao mesmo tempo reflexão e interesse. Estreia nacional.

O projeto Vibra-Sóis, que junta sonoridades de Portugal, Itália, França, Cabo Verde e Roménia, atua no sábado, dia 13 de setembro, dando vida a um espetáculo que une o Fado, Morna, tradição Occitana e do sul da Itália. Direção musical de Custódio Castelo, o grande virtuoso da guitarra portuguesa. Uma viagem infinita e fascinante que do fado português chega às tarantellas do sul da Itália, até aos ritmos das mornas de Cabo Verde: é uma história musical que conta o espírito multiforme do mundo luso-mediterrâneo.

 Os vários espíritos do mediterrâneo reúnem-se no palco do Cineteatro Camacho Costa, no domingo, dia 14 de setembro, às 21h30, com a atuação da orquestra 7 Luas Cordas Orkestra que conta com artistas de Portugal, Itália, Cabo Verde e Roménia. Este espetáculo conta com a participação de crianças da Escola de Música Tradicional de Odemira, em resultado de um “laboratório musical” dirigido pelo mestre da Croácia Sergio Bernich.

Produção Original do Festival Sete Sóis Sete Luas. Estreia nacional.

No âmbito do Festival Sete Sóis Sete Luas, a Biblioteca de Odemira, recebe uma exposição de pintura com laboratório de criatividade, por Fluvia Zudich (Eslovénia), entre 20 de setembro e 31 de outubro.  Inauguração da exposição acontece no dia 20 de setembro, às 18.00 horas.