Odemira: Macaco-aranha retirado de cativeiro

macaco_aranha2A GNR anunciou hoje ter recolhido, na quinta-feira, uma fêmea de macaco-aranha que estava em cativeiro, na zona de Odemira, tendo levado o animal para o Parque Zoológico de Lagos, onde vai permanecer em quarentena.

A apreensão foi efetuada, no cumprimento de um mandado judicial, pelo Núcleo de Proteção Ambiental da GNR de Odemira, em colaboração com responsáveis do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e o veterinário municipal.

O proprietário do animal foi constituído arguido e sujeito a termo de identidade e residência, por incumprimento dos requisitos previstos na Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies Ameaçadas da Fauna e da Flora (CITES).