Odemira: Pescadores são guias turísticos em caminhadas na natureza

azenhadomarUm grupo de pescadores da Azenha do Mar, começou a organizar caminhadas na costa alentejana, nas quais são guias turísticos, no âmbito de um projecto que pretende torná-los menos dependentes do mar.

A Taipa, organização cooperativa na área da solidariedade e do desenvolvimento do concelho de Odemira, é a entidade que está a promover o projeto, co-financiado pela União Europeia, com o objectivo de dar à pesca a sua importância.

António Reis, pescador reformado valoriza muito as caminhadas,

Durante as caminhadas, os pescadores partilham com os caminhantes os seus conhecimentos sobre a geografia e a história dos locais por onde passam, adianta Ivânia Guerreiro, técnica da Taipa

Ivânia Guerreiro acrescenta que a Taipa pretende que os pescadores consigam criar actividades de onde possam obter algum rendimento e ao mesmo tempo potenciar e divulgar a sua comunidade e o seu trabalho

É neste contexto que surgem as caminhadas guiadas, que tiveram início no final do ano passado, mas deixaram para trás um longo período de preparação, de organização dos percursos e até de formação dos pescadores.