País: Quinze regiões com risco ‘extremo’ de exposição à radiação UV

Quinze regiões do continente apresentam hoje risco ‘extremo’ de exposição à radiação ultravioleta (UV), enquanto o resto do país está com níveis ‘muito elevados’, segundo dados do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o Instituto, em risco ‘extremo’ estão as regiões de Beja, Bragança, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Penhas Douradas, Leiria, Lisboa, Portalegre, Setúbal, Sines, Vila Real, Funchal e Porto Santo (Madeira).

Para as regiões com risco ‘muito elevado’ e ‘elevado’, o Instituto recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, ‘t-shirt’, guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre menor do que 2, em que o UV é ‘baixo’, 3 a 5 (‘moderado’), 6 a 7 (‘elevado’), 8 a 10 (‘muito elevado’) e superior a 11 (‘extremo’).

O IPMA prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral oeste até final da manhã, com possibilidade de ocorrência de chuva fraca ou chuvisco a norte do Cabo Carvoeiro, vento fraco, soprando moderado durante a tarde, de noroeste no litoral oeste e nas terras altas e de sudoeste na costa sul do Algarve.

A previsão aponta ainda para neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais, em especial da faixa costeira ocidental, pequena descida da temperatura mínima e da máxima nas regiões Norte e Centro.

Fonte: Lusa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *