Pedro do Ó Ramos (PSD) preocupado com aumento dos tempos de espera para consultas no HLA

O deputado do PSD do distrito de Setúbal, Pedro do Ó Ramos, considera “bastante preocupante” o aumento do tempo de espera para primeiras consultas nas especialidades de otorrinolaringologia e oftalmologia no Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém.

O social-democrata, que foi um dos subscritores numa pergunta enviada ao ministério da Saúde sobre esta questão, explica que os tempos médios de resposta para primeiras consultas de especialidade nesta unidade hospitalar ultrapassam significativamente os Tempos Máximos de Resposta Garantida (TMRG).

Para uma consulta da especialidade de otorrinolaringologia, um doente espera 514 dias, enquanto que para uma consulta de especialidade de oftalmologia tem que esperar 260 dias, exemplifica.

Recorde-se que no anterior Governo PSD/CDS-PP, a percentagem de consultas hospitalares que ultrapassavam os TMRG registou uma evolução positiva, como o comprova o facto de a mesma ter decrescido de 31%, em 2010, para 26%, em 2015.

Pedro do Ó Ramos explica que os deputados do PSD querem respostas concretas do ministro da tutela sobre quais as medidas que o Governo vai tomar para reduzir o número de consultas hospitalares realizadas fora dos Tempos Máximos de Resposta Garantida na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano, EPE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *