Proteção Civil alerta para agravamento do estado do tempo

As condições meteorológicas vão deteriorar-se já a partir da noite deste sábado. De acordo com a Proteção Civil, é expectável que a partir da meia-noite a precipitação seja persistente e “pontualmente forte”.

A autoridade prevê que o período de maior intensidade deva registar-se entre as 00h00 e as 07h00 de sábado nos distritos de Leiria, Lisboa e Santarém, progredindo para sul, onde a intensidade é esperada entre as 12h00 e as 21h00. Esta situação poderá dar origem a cheias rápidas em meio urbano.

Quanto à neve, a Proteção Civil refere que vão estar reunidas as condições para a queda de neve acima dos 800/100 metros, podendo haver, inclusivamente, acumulação de até cinco centímetros nas regiões norte e centro entre as 18h de hoje e as 09h de amanhã.

A partir do final do dia de hoje é expectável que haja um aumento da intensidade do vento, mantendo-se durante o dia de amanhã com rajadas a atingirem os 90km/h no litoral e os 100km/h nas terras altas, “em especial na faixa costeira a sul do Cabo Mondego”.

A Proteção Civil alerta ainda a população para a “possibilidade de se verificarem fenómenos extremos no litoral centro e sul, especialmente no período da tarde”, estando os períodos críticos agrupados em dois blocos: entre as 06h00 e as 12h00 e depois entre as 18h00 e as 00h00.

A partir do final da tarde de sábado é esperado que a agitação marítima propicie ondas de 4 a 5 metros de altura na costa sul e a sul do Cabo Mondego.

Ainda de acordo com a Proteção Civil, a chuva e o vento deverão manter-se em Portugal até meados da próxima semana.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *