Santiago do Cacém: Associação Cultural promove projeto ‘Habitar o que está Desabitado’

a velha 1

A Associação Cultural de Santiago do Cacém, em colaboração com a Escola Superior de Educação de Lisboa (ESEL), deu forma ao projeto ‘Habitar o que está Desabitado’, através da execução de um conjunto de pinturas/ murais em edifícios devolutos ou em mau estado de conservação. 

A intenção é levar a arte para a rua e transformar as paredes das casas em telas artísticas, contrariando a tendência de se deslocar a uma galeria. As galerias passam a ser as casas das pessoas o que possibilita o acesso fácil a toda a comunidade.

travessa 3

O envolvimento da comunidade foi e é importante para o projeto. Em primeiro lugar, através dos proprietários que permitiram, sem hesitação, a utilização das paredes das suas casas, e em segundo, o acesso gratuito da arte na rua, criando assim, público para outras intervenções artísticas e suscitando o interesse pela pintura e a arte em geral. 

andorinha 1

Entre os dias 8 e 10 de julho, alunos e professores da  ESEL deram vida aos espaços através da arte, inspirados pelas cores e por rostos das gentes deste Alentejo que sabe a campo e a mar. É um projeto que terá continuidade no tempo, sendo que a associação deixa o convite para outros artistas que queiram mostrar o seu talento.

Fonte: ACSC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *