Setúbal: PS quer mobilizar eleitores e combater abstenção nas autárquicas

A três meses das próximas eleições autárquicas, o Partido Socialista definiu como prioridade, em todo o distrito de Setúbal, o combate à abstenção.

O presidente da distrital socialista, António Mendes fez as contas e diz que a taxa de abstenção no distrito é muito superior ao conjunto dos restantes distritos a nível nacional. Situação que se inverte nas eleições legislativas.

Por isso, em declarações à Miróbriga, António Mendes disse que é preciso “mobilizar os eleitores para a democracia local”.

Em Santiago do Cacém, a elevada taxa de abstenção tem, no entender do presidente da distrital de Setúbal, sido desfavorável ao Partido Socialista.

“Sempre que os eleitores votam aqui em Santiago do Cacém o PS ganha as eleições legislativas todas, não há a minima duvida. Quando não votam o Partido Comunista ganha, por isso é só fazer as contas”, acrescentou.

Em Santiago do Cacém, de um total de 25 mil eleitores, apenas 13 mil votaram nas últimas eleições autárquicas. A taxa de abstenção foi superior a 48 por cento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *