Sines: Repsol realizou primeiro teste com drones

repsol

 

 

A companhia petrolífera Repsol realizou o primeiro teste com drones na plataforma no complexo de Sines.

Segundo informou a empresa, citada pelo jornal El País, os pequenos aviões não tripulados gravaram imagens de alta resolução com as quais a Repsol tem avaliado a segurança das estruturas da plataforma com altura superior a 100 metros.

A equipa de Tecnologia da Informação da Repsol está também a estudar a possibilidade de usar drones em diversos campos, desde a inspecção de plataformas de petróleo no mar à utilização dos pequenos aviões para o envio de encomendas entre instalações remotas ou ainda para transmissão de dados.

Após a primeira experiência no complexo de Sines, a Repsol já prepara novos voos. De acordo com a petrolífera, depois dos “resultados promissores dos voos experimentais”, a experiência será estendida nos próximos meses aos complexos de Cartagena e Puertollano.

A empresa de energia está a estudar o uso de drones para evitar situações de riscos laborais, ao mesmo tempo que reduz custos de manutenção.

A Repsol lembra que as autoridades dos Estados Unidos e da União Europeia avançaram com directivas que permitem um uso mais amplo dos aviões não tripulados com fins civis e comerciais. E assinala que diversas universidades estão a estudar a sua utilização para encontrar petróleo.

É o caso de uma universidade na Noruega, em que os investigadores colocaram a bordo dos aviões scanners a laser com os quais criam mapas em 3D do terreno, conseguindo informação para exploração de novos campos.

Fonte: DE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*