Arquivo de etiquetas: municipio de odemira

Odemira: Assembleia Municipal questiona EP sobre ER 266

municipio_odemiraA Assembleia Municipal de Odemira aprovou uma moção, apresentada pelos eleitos do PS, onde questiona a Estradas de Portugal sobre a intervenção de melhoramento na ER 266.

 

Em causa estão os troços que ligam o Viradouro àslocalidades de Nave Redonda (para sul) e de Luzianes-Gare, que se encontram bastante degradados, sobretudo osegundo, onde as obras estão paradas e o traçado praticamente intransitável.

Esta situação levou a Assembleia Municipal odemirense a aprovar uma moção onde questiona a empresa acerca do prazo para a conclusão total da empreitada. 

Ao mesmo tempo, a moção questiona também sobre a data em que está previsto o começo da empreitada entre o Viradouro e o limite sul do distrito, no sentido de permitir “uma correta ligação do concelho de Odemira ao distrito de Faro”.

Share

Odemira: Câmara e AM contra encerramento de Obstetrícia no Hospital de Beja

municipio_odemiraA Câmara e a Assembleia Municipal de Odemira aprovaram, por unanimidade, uma moção contra o encerramento do serviço de Obstetrícia no hospital de Beja.

 

A medida está prevista na portaria 82/ 2014, de 10 de Abril, que prevê a reorganização das unidades hospitalares do país e pode implicar, no caso de Beja, a perda de valências como a Obstetrícia e, consequentemente, o encerramento da maternidade.

Na moção aprovada, a Câmara e a Assembleia Municipal de Odemira exigem “a revisão” desta portaria, uma vez que o eventual encerramento da maternidade de Beja “irá obrigar as grávidas do concelho e respectivas famílias a deslocações muito superiores a 200 quilómetros”. Posteriormente, a moção será enviada ao Presidente da República, ao primeiro-ministro, entre outros órgãos.

Os filhos do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral ou nascem no Centro Hospitalar do Algarve ou no Hospital Espírito Santo de Évora”, vincam os autarcas de Odemira na moção, acrescentando não existir “mais lugar a dúvidas sobre a estratégica deste Governo em condicionar, degradando objectivamente, a resposta do Serviço Nacional de Saúde”.

“A intenção é visível e pretende obter uma certa ideia nas pessoas de que o serviço público, despesista e obsoleto, pode e deve ser substituído por um serviço privado, supostamente moderno e de resposta eficiente”, reforçam.

Referida ainda na moção, está o facto de nos últimos 10 anos, os 18 concelhos do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral registaram uma média de 1.902 nascimentos por ano – sendo que Odemira representa 10% desses nascimentos – e um decréscimo de nascimentos muito inferior à média nacional: 9,1% no Baixo Alentejo contra 20% a nível nacional.

Tudo isto leva os autarcas de Odemira a exigirem “a imediata revisão e esclarecimento” da portaria, defendendo ainda que “a reforma hospitalar e a reforma do SNS sejam feitas ouvindo as autarquias, que estão sempre disponíveis para juntar esforços e criar sinergias ao serviço das populações que representam e servem”.

Share

Odemira: Limpeza das praias

cartaz limpeza praiasO Município de Odemira vai promover uma campanha de limpeza da costa, nos areais da freguesia de Vila Nova de Milfontes no próximo dia 24 de maio.

 

A limpeza vai incidir no areal dos Aivados, a norte de Vila Nova de Milfontes. Esta iniciativa pretende sensibilizar a população e turistas para o problema da poluição da costa e as consequências para os ecossistemas.

As inscrições decorrem até ao dia 21de maio. A concentração dos participantes será no estacionamento junto ao areal dos Aivados, a partir das 9.30 e das 14.00 horas.

O Município conta com a colaboração da Junta de Freguesia de Milfontes.

Share

Odemira: Santa Clara-A-Velha recebe primeira assembleia do “Orçamento Participativo”

orçamento participativoA primeira assembleia participativa do “Orçamento Participativo” (OP) 2014 da Câmara de Odemira, realiza-se esta noite na Casa do Povo de Santa Clara-a-Velha.

 

Seguem-se as assembleias em Longueira (16 de Maio, no Centro Sócio-cultural), Colos (23 de Maio, na antiga escola primária), Zambujeira do Mar (30 de Maio na sede da Associação Cultural, Recreativa e Desportiva local) e São Luís (6 de Junho, na Sociedade Recreativa Musical Sanluizense).

A ultima assembleia, agendada para 13 de junho, em Odemira, é exclusivamente dedicada aos diversos conselhos municipais. Ao todo serão realizadas seis sessões, nas quais as populações do concelho poderão apresentar os projetos que gostariam de ver inseridos no orçamento municipal do próximo ano.

Contribuir para uma maior aproximação ”entre as políticas públicas e os cidadãos”, assim como “potenciar o exercício da cidadania participativa, ativa e responsável”, é o principal objetivo destas assembleias.

O OP 2014 apresenta algumas novidades face aos anos anteriores, a começar pelo valor máximo de cada proposta a apresentar: 125 mil euros (contra os 200 mil das edições anteriores). O facto de os cidadãos terem a oportunidade de votar duas vezes, desde que os seus votos não incidam na mesma proposta ou freguesia e a possibilidade de qualquer freguesia ter propostas vencedoras e anos consecutivos, são algumas das novidades da inciativa em 2014.

“O que se pretende é que os cidadãos olhem para este ‘Orçamento Participativo’ como algo que diz respeito ao colectivo e valorizem os projectos de âmbito mais descentralizado e não apenas localizados na sua própria freguesia”, justifica ao “CA” o vereador Ricardo Cardoso.

Share

ODEMIRA: EXPOSIÇÃO DE ARTES PLÁSTICAS NA IGREJA DA MISERICÓRDIA

Imagem final 2A exposição de artes plásticas “A Liberdade e os 40 anos do 25 abril”, que reúne obras de Thomas Wimmer, Gonçalo Condeixa e Otto Taufkirch, vai estar patente até ao dia 9 de maio. Esta é uma iniciativa da Sopa dos Artistas – Associação Local de Artistas Plásticos e do Município de Odemira, inserida nas comemorações dos 40 anos do 25 de Abril.

 

A Igreja da Misericórdia, cedida pela Santa Casa da Misericórdia de Odemira, abre as suas portas especialmente para esta iniciativa, revelando o seu interior repleto de fabulosos frescos. A sua construção data da segunda metade do séc. XVI, sendo que a partir da segunda metade do séc. XX teve diversas funções civis. 

A mostra reúne obras de Thomas Wimmer (escultura e desenho), Gonçalo Condeixa (desenho, pintura e escultura) e Otto Taufkirch (pintura e desenho), numa homenagem dos artistas à liberdade e democracia conquistadas em abril de 1974. A exposição foi inaugurada no dia 27 de abril e desde então tem tido imenso sucesso junto do público.

Para visitar até sexta-feira, dia 9 de maio, no horário 9/12 horas e 16/18 horas.

Na quinta-feira, dia 8, pelas 20.30 horas, será servido um chá pela Sopa dos Artistas, com a presença dos artistas e da vereadora da Câmara Municipal responsável pela Cultura, Deolinda Seno Luís.

Share